Kia Quoris chega em maio no Brasil


hi-mundim-kia-quorisA Kia Motors confirmou a chegada do sedã Quoris para maio. Em seguida, no mês de junho, vem o novo Soul, em sua segunda geração. Já o Cerato Hatch, nova Carens e o Cerato Koup, estão sem datas de lançamento no Brasil.

As confirmações foram divulgadas junto com a notícia que a Kia Motors passou a ter direito à cota máxima de importação de 4.800 unidades/ano sem os 30 pontos percentuais no IPI – Imposto sobre Produtos Industrializados. A fabricante aderiu ao programa Inovar-Auto.

“Para uma empresa que comercializou média anual de 52 mil unidades entre 2010 e 2012, a cota máxima de 4.800 unidades/ano não será suficiente. Mas certamente vai contribuir muito para que 2014 seja um ano mais alentador”, analisa José Luiz Gandini, presidente da Kia Motors do Brasil.

Para que a importadora volte a ter competitividade, 6 mil unidades do Bongo – produzido no Uruguai, portanto também sem os 30 p.p no IPI – serão contabilizadas em 2014. Nas estimativas de vendas da Kia Motors para este ano, Gandini espera obter crescimento de cerca de 3% sobre os volumes de 2013.

“Como fechamos o ano com 29 mil veículos emplacados, ao projetarmos 3% de crescimento, chegaremos a 30 mil unidades em 2014. Para chegarmos a essa projeção, contaremos com a cota de 4.800 unidades e 6 mil de Bongo, sem a alta de 30 pontos percentuais no IPI, e mais cerca de 20 mil unidades com o IPI diferenciado”, prognostica.

Segundo Gandini, a Kia Motors do Brasil não aderiu ao Inovar-Auto, instituído em 3 de outubro de 2012, porque apenas como importadora e distribuidora não teria como atender aos requisitos mínimos do programa. “Sem o comprometimento jurídico da montadora sul-coreana, não teria como sustentar o nosso compromisso com o Governo brasileiro em outubro de 2017, quando todas as montadoras e importadoras precisam comprovar a redução de emissões”, argumenta.