Festival de Teatro infantil em Rio Preto

Cuidado com a Cuca está na programação do Festival de Teatro Infantil
Cuidado com a Cuca está na programação do Festival de Teatro Infantil

Começa nesta sexta, dia 20 e segue até o dia 29 de julho, o 2º Festival Infantil: O Teatro vai ao Shopping na Praça 3 de Eventos do Riopreto Shopping.

Serão 10 dias de espetáculos, sempre às 17 horas, com artistas da cidade e da região.

Na programação, teatro de máscaras, teatro para bebês, teatro de bonecos manipulados, montagens clássicas e espetáculos circenses.

Nesta sexta, dia 20, a estreia será com o Circo Biruta. A peça é uma produção da Cia. Palhaçaria Gisele Lançoni e Cia. Livre de Teatro, que resgata a tradicional arte mambembe.

“O objetivo com a realização do festival é transformar o shopping em um espaço para a disseminação da arte e cultura. Além disso, incentivar a produção local e movimentar a cena teatral da cidade, além de oferecer entretenimento de qualidade”, conta Ayla Farias, organizadora do evento.

Espetáculos do Festival de Teatro Infantil:

  • Dia 20, Nina e Carambola (Cia. Da Casa Amarela);
  • Dia 21, O Gato Malhado e a Andorinha Sinhá (Grupo Teatro de Sala);
  • Dia 22, Show de Bonecos (CiaCômica);
  • Dia 23, Tomie (Cia. Da Casa Amarela);
  • Dia 24,Cuidado com a Cuca (Cia. Apocalíptica);
  • Dia 25, A Fabulosa História do Patinho Feio (Mídia Produções);
  • Dia 26, Circo Biruta (Palhaçaria Gisele Lançoni & Cia. Livre);
  • Dia 27, Pequenas Coisas Espetaculares (Palhaço Purunga);
  • Dia 28, Adondedormem (Cia. O Que Será de Nós?!);
  • Dia 29, O Casório de Floripe (Varanda Produções Teatrais).

Todos às 17h. A entrada é gratuita.

Sinopses:

Dia 20 – Nina e Carambola – Cia. Da Casa Amarela

Nina e Carambola (Foto: Vivian Grandela)

Uma delicada e divertida história sobre a ratinha Nina que acaba de perder seus pais e tem que encarar o mundo hostil de ratos, gatos e humanos. Nesse delicado momento, depara-se com o faminto Gato Cinza – devorador de camundongos. Entre fugas e batalhas, os dois descobrem muito em comum e passam e confrontar conceitos de sobrevivência. Inspirado no livro “Ficar triste não é ruim”, de Michaelene Mundy.

Texto e Direção: Drika Vieira e Carlinhos Rodrigues

Coreografias: André Perosa

Dia 21 – O Gato Malhado e a Andorinha Sinhá – Grupo Teatro de Sala

O Grupo formado por jovens atores traz para a cena a história de amor impossível entre dois seres de diferentes espécies. O espetáculo conta o lindo romance vivido por dois animais tão distintos: a formosa andorinha e o temido gato. Além de se transformar em um improvável caso de paixão, a narrativa mostra como duas criaturas bem diferentes podem não apenas conviver em paz como mudar a maneira de ver o mundo.

Texto – Livre adaptação da obra de Jorge Amado

Direção – Murilo Gussi

Cenografia – Marcelo Mitsu

Dia 22 – Show de Bonecos – CiaCômica

“Show de Bonecos!” Um show de variedades musicais com bonecos de manipulação direta, sem texto, onde vários quadros, uma sequência de números musicais, formam o espetáculo.

Direção, cenografia, bonecos e figurinos: João Guerreyro

Dia 23 – Tomie – Cia. Da Casa Amarela

Tomie (Foto: Vivian Grandela)

Primeiro espetáculo da Trilogia de Teatro para Bebês da Cia da Casa Amarela, Tomie é um exercício de sensações que viaja pela vida e obras da artista plástica Tomie Ohtake. A proposta é a iniciação estética dos bebês por meio de formas, sons e sensações que as obras da artista proporcionam. Uma aventura delicada pelo universo da pintura.

Texto e Direção: Drika Vieira e Carlinhos Rodrigues

Dia 24 – Cuidado com a Cuca – Cia. Apocalíptica

Cuidado com a Cuca está na programação do Festival de Teatro Infantil

Cuidado com a Cuca está na programação do Festival de Teatro Infantil

A história do espetáculo se passa numa floresta onde os animais, a flora, os índios e os seres fantásticos do Folclore viviam em perfeita harmonia. Com o passar dos anos, a modernidade aos poucos foi tomando conta desta floresta e com a chegada de outras culturas todo o meio ambiente se desestruturou. Alguns seres como a Cuca e o Saci se deixaram influenciar por cada novidade. Já os irmãos Curupira e Caipora se agarraram com toda a força que tinham às suas raízes e continuam protegendo a floresta.

468 x 60 IMU Full Banner

Dia 25 – A Fabulosa História do Patinho Feio – Mídia Produções

Bonito? Feio? Diferente. A beleza está nas diferenças. Um ovo maior que os outros aparece no ninho e nasce um “patinho” estranho e desengonçado. Todos o achavam feio, mas com o tempo ele acaba vivendo aventuras que lhe mostrarão quem realmente é. O clássico de Hans Christian Andersen é uma história de superação, um grito de amor frente ao preconceito e a intolerância.

Direção e Cenografia: Daniel Neves

Dia 26 – Circo Biruta – Palhaçaria Gisele Lançoni & Cia. Livre

Circo Biruta (Foto: Maylin Leiva)

Um casal de palhaços, dono de um circo antigo, foi abandonado pelos demais artistas da trupe. Ao ficarem sozinhos, Boo e Tango Loko se desdobram de uma forma mais atrapalhada do que nunca, encenando números imperdíveis. Um espetáculo para toda a família com o compromisso de resgatar a essência do circo mambembe.

Texto: Gisele Lançoni e Anderson Niels | Direção: Leandro Aveiro |Cenário, Figurinos e Adereços: João Guerreyro

Dia 27 – Pequenas Coisas Espetaculares – Palhaço Purunga

Purunga é um palhaço de rua que busca mostrar a importância da participação ativa de todos, seja na política, na educação das crianças ou num simples espetáculo em praça pública. Com números de equilibrismo, malabarismo e magia cômica, provoca riso e brilho nos olhos das crianças e devolve o olhar infantil para os adultos.

Roteiro, direção e atuação: Tiago Oliveira Dantas

Dia 28 – Adondedormem – Cia. O Que Será de Nós?!

Os palhaços Dona Miúda e Tatugambetta surgem com seus colchões em busca de um lugar para dormir. Entre uma tentativa de soneca e outra, muita brincadeira e situações cômicas.

Dia 29 – O Casório de Floripe – Varanda Produções Teatrais

No distante reino de Catigarragafun, a desbaratinada Barata Floripe encontra 1 tostão durante uma faxina em seu velho baú. Diante da notícia espalhada aos quatro ventos, surgem inusitados pretendentes a se casar com Floripe, que se depara com uma grande dúvida: Com quem se casar?

Direção: Guilherme Hernandes
Máscaras: Laura Barbeiro