Barra do Monjolo: a beleza do rústico

Na margem mineira do rio Grande está a Barra do Monjolo.

A atração é opção para quem quer driblar a vida urbana por pelo menos algumas horas (ou dias).

Espaço

Com área de camping e chalés, o local contempla a fauna e a flora.

O visitante também tem oportunidade de saborear refeições, sucos e drinks.

Tudo é preparado com ingredientes orgânicos, muitos deles produzidos na área de 80 alqueires da propriedade particular.

Para quem quer desfrutar o rio Grande há opção de aluguel de caiaques, vara de pescar e barcos (com ou sem motor).

Caminho

Tendo como ponto de partida São José do Rio Preto, são 60 quilômetros de rodovia (BR-153) e outros 10 quilômetros de estrada de terra.

Com exceção da ausência de trevo e de sinalização para deixar a rodovia, o caminho pode ser feito sem estresse.

Mas sempre com cautela, pois tem muito caminhão e motorista imprudente na pista simples.

Hi-Mundim esteve na Barra do Monjolo testando o modelo 2014 da saveiro cross e os sabores do bar e restaurante de decoração rústica do local.

Sabores

O bar e restaurante é dirigido pelo dono daquelas terras, o engenheiro de produção Ricardo Dória Chaves.

Além de sempre fazer as honras da casa, Ricardo faz questão de regar a alma dos visitantes com músicas raras de sua vasta coleção de vinis.

Além de pratos e porções com peixes diversos de água doce, pescados no próprio rio Grande, o local serve frango caipira (ensopado, com molho da casa e à passarinho) e paella.

Vale a pena experimentar as batidas e sucos, feitos com sucos de fruta e não aquela polpa de saquinho.